4 de jul de 2016

Virada Cultural de BH expande ações para a Região Metropolitana



O evento acontece nos dias 9 e 10 de julho e integra atividades de quatro cidades da RMBH. A programação completa está disponível no site www.viradaculturalbh.com.br


A quarta edição da Virada Cultural de Belo Horizonte, que acontece nos dias 9 e 10 de julho, não estará restrita apenas à capital mineira. Neste ano, o evento contará também com uma programação em quatro cidades da Região Metropolitana: Vespasiano, Pedro Leopoldo, Lagoa Santa e Betim. As atividades abrangem oficinas, exposições, espetáculos teatrais, rodas de capoeira, saraus, apresentações musicais e de dança, congado, performance, circo, entre outros. Toda a programação é gratuita e está disponível no site www.viradaculturalbh.com.br.  A Virada Cultural de BH é promovida pela Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Fundação Municipal de Cultura.

De acordo com Leônidas Oliveira, presidente da Fundação Municipal de Cultura, o objetivo da inciativa é estender o evento e descentralizar a programação com a inclusão das demais cidades da RMBH. “Já temos uma grande Virada, em que as redes de hotéis já registram um aumento no número de hóspedes nas datas do evento. Vêm pessoas de outras cidades e estados para vivenciar essa festa, e a ideia é que ela se torne em um grande produto turístico das cidades” destaca.

Para a secretária municipal de cultural, Turismo, Esporte e Prazer de Vespasiano, Katya Salom, os municípios da RMBH mostrarão toda sua riqueza e diversidade cultural na Virada Metropolitana. “A participação dos municípios da RMBH é muito importante para a difusão da Cultura da região, para a valorização de sua cultura popular que é muito rica e diversificada, para o empoderamento da classe artística, assim como para o fortalecimento das identidades regionais e para a ampliação do investimento nessas cidades” afirma a secretaria.

A quarta edição do evento reúne cerca de 500 atrações de diferentes manifestações artísticas, como música, teatro, dança, circo, literatura, artes visuais, intervenções urbanas, cultura popular, gastronomia, artes integradas, cinema, entre outras. Ao todo são 15 palcos, sendo 11 oficiais e 4 parceiros. Entre os artistas estão Elza Soares, Criolo, Sandra de Sá, Chico César, Lenine, Renegado e muitas outras atrações. A Virada Cultural é correalizada pela Associação de Amigos do Museu Histórico Abílio Barreto (AAMHAB). Programação completa no www.viradaculturalbh.com.br.  

Nenhum comentário: