28 de abr de 2017

1ª edição do Dia Internacional do Jazz acontece em BH, neste domingo!


Elberto Furtado Jr. Aluizer Malab, Bebeto de Freitas e Toninho Horta,
 na Secretaria de Esportes e Lazer de BH, em tarde de apresentação do evento - foto: Márcia Francisco

No domingo, das 10h às 14h30, como iniciativa o Instituto João Horta em parceria com a PBH, por meio da Secretaria de Esportes e Lazer e da Belotur, o Projeto "A Savassi é da gente" receberá Toninho Horta e Grupo, Grupo Trivial, Maria Bragança Trio, Banda Passupreto, Banda da Guarda Municipal de Belo Horizonte, Juarez Moreira Trio, Eneias Xavier, Jorge Continentino e Roda Jazz, em palco montado na Praça Diogo de Vasconcelos. Trata-se da primeira edição do  Dia Internacional do Jazz, na capital mineira.  A data, que foi criada pela UNESCO para destacar a importância deste gênero musical e sua contribuição na promoção de diferentes culturas e povos ao longo da história, é  comemorada em mais de 120 cidades ao redor do mundo e  celebra 100 anos de tradição e música.  Todos os eventos serão divulgados no site internacional http://jazzday.com/, no qual está também a comemoração realizada em BH.



Toninho Horta - divulgação
TONINHO HORTA CONVOCA "TODOS OS MÚSICOS DE BH E SEUS INSTRUMENTOS" para se unirem numa celebração do Dia Internacional do Jazz ao melhor estilo New Orleans! A idéia é uma super jam session, com ponto de encontro em frente ao palco do evento deste domingo em homenagem ao Dia Internacional do Jazz!!! "É chegar e tocar junto. É o jazz que fazemos aqui, música mineira com atitude, celebrando a liberdade do Jazz". diz Toninho.
“Quando Toninho nos procurou com este projeto, falamos na hora: temos que fazer”, revela o presidente da Belotur,  Aluizer Malab, na tarde de apresentação do evento.
O Secretário Municipal de Esporte e Lazer,  Bebeto de Freitas, recomenda que o público leve cadeira de praia, filtro solar e água e venha se divertir! "A praia da Savassi já está aberta!", brinca. 
O acesso ao evento "A Savassi é da gente",  que já está acontecendo com regularidade, por ação do prefeito Alexandre Kalil, que visa estimular a população a ocupar os espaços públicos da cidade, é gratuito. 
No entorno acontecerão práticas esportivas, lazer ao ar livre - brincadeiras como bambolê e corda, experiências gastronômicas com a presença de food trucks. ainda O plastico Rafael Abreu, que vai registrar tudo, pintando ao vivo, seguindo a proposta de abrir a praça, estimulando lazer e diversão.

A história do Jazz começou em 1917, quando a Original Dixieland Jass – depois Jazz – Band (ODJB), de Chicago, nos EUA, gravou, no dia 26 de fevereiro, as canções “Livery Stable Blues” e “Dixie Jass Band One-Step”.  

Nenhum comentário: