26 de abr de 2016

LADOS

Gladston Galliza lança seu nono disco,
com show em noite única em BH


Será no dia 13 de maio, sexta-feira às 20h30, no Teatro de Câmara do Cine Brasil (Av. Amazonas, 315 – Centro – BH – MG), o show de lançamento do CD “Lados”, de Gladston Galliza.  O artista, que que viveu por 14 anos na Espanhae já editou discos nesse país e também no Japão, nos propôe um trabalho baseado nas fusões entre ritmos brasileiros e influências da música hispânica.

Trata-se de um artista cuja arte atravessou fronteiras, somando aprendizados e valores culturais à sua preservada origem. O timbre de Galliza, a dinâmica sensível presente em sua voz e a interpretação apurada fazem dele um músico universal.

LADOS
Gravado em Belo Horizonte, no Estúdio Verde, o CD “Lados” tem produção e direção artística de Gladston Galliza, direção artística de Christiano Caldas.  Ao lado do talento valioso de Gladston, o disco conta com a participação dos igualmente notáveis Thiago Delegado, Christiano Caldas, Serginho Silva e Aloisio Horta entre outros.

No show, Gladston estará acompanhado de Serginho Silva(percuteria), Gustavo Figueiredo (teclados) e Aloisio Horta(baixo). O show ainda terá as participações especiais do músico e compositor Renato Motha e do guitarrista Cesar Costa.

Os ingressos já à venda na bilheteria do Teatro ou via  www.compreingressos.com

GLADSTON GALLIZA

Cantor, compositor, produtor e instrumentista brasileiro nasceu em Ouro Preto, estado de Minas Gerais em 4 de Novembro de 1967.  Começou a se interessar pela música, aos nove anos, já em Belo Horizonte.  Estudou teoria musical e violao no Conservatório de música da Universidade  Federal de Minas Gerais. No entanto sua atenção foi despertada pelos sons de sua terra.  Na adolescência ouviu músicos como Toninho Horta, Milton Nascimento e Antônio Carlos Jobim que viriam a lhe influenciar decisivamente, tanto em sua maneira de tocar como de  compor. Em 1989, se mudou para o Rio de Janeiro, visando ampliar sua carreira.
Nessa cidade, trabalhou como músico de estúdio e também acompanhou artistas como  Simone Guimarães, Cris Delanno entre outros. Também participou e venceu vários festivais de música como compositor, tais como:  Bauru e Avaré (SP), onde obteve premiações juntamente com Lenine. Em 1994, gravou seu primeiro disco,  o CD “Viver Você”, em parceria com o compositor  César Nascimento.  Em 1998, mudou-se para Madrid. Em 2004, Galliza gravou seu segundo disco solo, “Fascínio”, com fusão de ritmos brasileiros e influências latino-americanas, e se reafirma como compositor compondo também em Espanhol. Destacam-se nesse trabalho as parcerias, sobretudo, com o letrista madrileño Daniel Lesmes. Visível, então, a perfeita associação de Gladston e músicos residentes na capital espanhola ou vindos de diversos países.  Em 2005, gravou seu terceiro disco, “The Album”, feito unicamente para o mercado japonês, a convite do produtor e DJ japonês Lava. Em 2007,  Gladston lançou mais dois discos: “Idas e Idas”, gravado entre Espanha e Brasil e,  com a participação do cantor e compositor espanhol Ismael Serrano e também do músico e compositor italiano Joe Barbieri além de outros destacados músicos espanhóis e brasileiros. Gravou também o CD entitulado “Madrid”, uma segunda produção para o Japão. Em 2008, realizou sua primeira turnê por esse país ao lado do genial pianista uruguaio Hugo Fattoruso e do percussionista japonês Tomohiro Yahiro. Em 2009, produziu o disco do compositor das ilhas Canárias Nestor Raluy, além de fazer outra turnè de 25 shows pelo Japão. Em 2010, lançou  “Íntimo”, seu sexto disco de carreira, também com participação de músicos espanhóis e brasileiros. Em 2011, lançou “Alvorada”, primeira colaboração fonográfica com a pianista japonesa Miyuki Onitake, este trabalho tem como peculiaridade mostrar somente seu lado letrista. O disco também foi lançado no Japão com uma turnê de 30 shows. Em 2015, é a vez de “Lados”, seu nono disco, trabalho inteiramente gravado em Belo Horizonte, celebrando sua volta ao Brasil.
Atualmente tem destacada atuação no panorama musical hispano-brasileiro, tanto como músico de estúdio ou como artista solo quando se apresenta com seu quarteto. Além disto, também produz discos para outros artistas.

SAIBA MAIS:

Nenhum comentário: