3 de fev de 2015

"ATRÁS DO JACARÉ" MOVIMENTA PAMPULHA: O BLOCO MAIS CHARMOSO DO CARNAVAL DE BH

(FAMILIA KUBITSCHEK)

Nos últimos anos, BH mostrou sua vocação para o Carnaval de rua, que veio para ficar. A cidade já conta com pacotes turísticos para quem deseja curtir os mais de 200 blocos que fervilham pelas ruas. 
Mas um deles, salta aos olhos pela simpatia e charme da locação unida ao ar vintage e leve das musicas e fantasias:"ATRÁS DO JACARÉ" e chega uma semana antes, anunciando a folia.
Em seu quarto ano de vida, o bloco carnavalesco belo-horizontino “Atrás do Jacaré” conquistou o carisma público pelo diferencial de seus desfiles. Marchinhas tradicionais executadas por foliões que durante a semana prévia participam de oficinas de ritmo e voz, através da Celinha Braga Oficina de Música, ganham a orla do cartão postal mais bonito da cidade - a lagoa da Pampulha.  O  pré-Carnaval  reúne pessoas de todas as idades, incluindo portadoras de deficiência, visita à  um centro de terceira idade, famílias e amigos fantasiados ou não em festa de pura alegria.

“Atrás do Jacaré vai até quem já morreu”, diz a marchinha.

E é assim mesmo... anfitrionados por Juscelino Kubitschek (Walber Braga Jr), sua esposa Sarah Kubitschek (Márcia Francisco) e a filha Márcia Kubitschek (Gabriela Francisco Rajão), o bloco rememora e homenageia com delicadeza a ilustre família apaixonada pela Pampulha, através dos personagens que seguem pela orla em interação simpática com o público.
* As Kubitschek usam chapéu (Sarah) e luvas by Ricardo Melo.
As idealizadoras do bloco -  a cantora e professora de canto, Celinha Braga  e  a percussionista Analu Braga -  não deixam por menos: puxando o bloco,  Analu é o Jacaré (em alusão ao famoso réptil da Lagoa da Pampulha) e Celinha Braga sempre surpreende com as fantasias.

PROGRAMAÇÃO 2015:

SAÍDA DO BLOCO: 07 de fevereiro, sábado, na praça da  Igreja de São Francisco de Assis (Igrejinha da Pampulha)

CONCENTRAÇÃO: 16h 
DESFILE : 17h, rumo à CBOM, localizada à Av Alfredo Camarate

*Após o desfile acontecerá na CBOM, onde a festa continua deliciosa! Lá, a entrada é R$5

Lembre-se: 

as fantasias terão a cara da Pampulha!

Estarão presentes, personalidade do mundo musical atual, capivaras, garças, pássaros e aguapés, Juscelino Kubitschek, sua esposa Sarah Kubtischek  e a filha Márcia Kubitschek,  Niemeyer, São Francisco de Assis, Niemeyer, Iemanjá e muito mais. 

Celinha Braga, vai puxar  marchinhas deliciosas.

O Bloco convida: fantasia, garrafa d’agua e muita alegria “Atrás do Jacaré”!!!

Acesso livre.

OFICINAS 2014 PARA O "BLOCO DO JACARÉ": 

SÃO REALIZADAS NA CBOM:
Oficinas para ritmistas (com Analu Braga)
saiba mais: (31) 34413465
E TEM ESQUENTA DE CARNAVAL!!! 
NÃO PERCAM!

CBOM -  Celinha Braga Oficina de Música:
Av Alfredo Caramate, 279 - Pampulha
Informações adicionais e inscrições para as oficinas 31 34413464

Realização Celinha Braga Oficina de Música – CBOM


HISTÓRICO: 

Idealizado em 2012, e  pela cantora e professora de canto, Celinha Braga  e pela percussionista Analu Braga - dentro das comemorações de  15 anos da Celinha Braga Oficina de Música - CBOM -  localizada na Pampulha,  o Bloco “Atrás do Jacaré”nasceu  para resgatar os tradicionais blocos de carnaval e suas marchinhas, valorizando ainda mais a região da Pampulha, em proposta de bom humor. O nome escolhido faz alusão ao famoso jacaré existente na Lagoa da Pampulha. O primeiro desfile foi  marcado por pura alegria e sucesso e agora, “Atrás do Jacaré” já é parte do calendário oficial do Carnaval em BH. Na versão 2012, anfitrionados por Juscelino Kubitscheck (Walber Braga Jr) e sua esposa Sarah Kubitschek - que usou chapéu by Lenice/ Berta Bismarcker (Márcia Francisco), o bloco contou com a participação das Formosas: Babaya, Lu e Celinha, puxando as marchas, nos vocais,  a presença de Dona Jandira entre várias vozes igualmente especiais e, de  Marcos Flávio, Alaécio Martins e Juventino Dias, nos sopros.  Puxando a bateria, composta por oficineiros e músicos convidados, a percussionista Analu Braga. Surpresas divertidas fazem parte das caracterizações dos foliões, incluindo o Jacaré, na pele de Analu Braga e muitos animais da Lagoa, encarnados pela bateria. Em 2013, o Bloco saiu da CBOM seguiu pela Alfredo Camarate até a orla da Lagoa, rumo à Praça São Francisco de Assis, ao lado da Igrejinha, como no primeiro ano. Puxando a bateria, na percussão, junto com a regente Analu: Fábio Feriado e Marcos Nascimento. Em 2014, os anfitriões Juscelino, Sarah e Marcinha Kubitschek sairam em um carro da década de 50, gentilmente cedido pelo Museu de Carros Antigos, que tem a curadoria de Jeferson Rios Domingues e Celinha Braga foi Carmem Miranda, convidada da familia Kubitschek! A Familia, que nasceu com o bloco é um charme, na interpretação e, já participou como convidada em eventos oficiais de BH, como "Noite de Museus", entre outros. 

A Marchinha Atrás do Jacaré composta por Claudia Passos, já é o hit decorado pelo bloco: 


ATRÁS DO JACARÉ

Cláudia Passos

Pampulha não é só mais um cartão postal

A Pampulha agora também tem seu carnaval

E se a lagoa anda cheia de aguapé 

Não me importa, assim mesmo eu saio “atrás do jacaré”! 

Pampulha do JK

Do Niemeyer, do Mineirão

Da Igrejinha, do Parque Guanabara

Pampulha é arte, ousadia e diversão

Tem lugar prá quem gosta de correr

E também prá quem só caminha

E quem traz a música no coração

Vem correndo pro cordão da Oficina da Celinha.

Nenhum comentário: