7 de out de 2014

FADAS DO LIVRO

projeto criados por pré-adolescentes
leva leitura à crianças e adolescentes carentes
















Ação cidadã de cunho social, que visa incentivar a leitura, o projeto “Fadas do Livro” nasceu de uma iniciativa espontânea. Idealizado pela aluna Gabriela Francisco do 5º ano do Ensino Fundamental  -  5º LC – Colégio Santa Maria – Unidade Nova Suíça: o projeto é realizado por Gabriela junto às colegas Anna Clara Senna, Joana Xavier, Rafaela Mendes e Sophia Ferreira. O objetivo é levar às crianças de creches, hospitais e/ou comunidades carentes, a possibilidade de contato com o mundo encantado da leitura. O desenvolvimento do sonho, da imaginação, da criatividade e seu exercício. Despertar talentos.
A ação já conta com o apoio do Colégio Santa Maria - unidade Nova Suíça, onde as “Fadas do Livro” têm seu principal ponto de coleta de livros.
Mas, o projeto "Fadas do Livro" que possui formas de divulgação adicionais, como o facebook (www.facebook.com/fadasdolivro), despertou o interesse de familiares e amigos que multiplicam os contatos para incentivar as doações.  A Academia Mineira de Letras, através de seu presidente Olavo Romano e o projeto “Livro de Graça na Praça”, já colaboraram doando, conjuntamente, às “fadinhas”.
As visitas para entrega dos livros, nos espaços eleitos pelas “Fadas do Livro” consistem em Leitura de 1 a 3  contos ou breves histórias,  selecionadas com caráter de estímulo e alegria.  Pode haver performance das crianças com uso de acessórios relacionados à história ou não.  É realizada entrega pessoal dos livros às crianças presentes. Cada uma delas recebe um livro.
Uma curiosidade: no momento das doações, em caso de crianças acamadas ou dormindo, as mesmas, receberão o livro sob o travesseiro.
Em geral, as “Fadas do Livro” usam chapéu de fada (cone), confeccionado por elas e decorados com páginas de antigas revistas ou xerox de livros. Uma varinha de condão, feita de lápis, com estrelinha feita com papel, também faz parte do figurino.
“O projeto, realizado em BH, pode se tornar grandioso e regular, independente do término do ano letivo. Ainda que, por exemplo, as entregas nos meses posteriores se restrinjam a uma ou duas por mês”, diz Gabriela Francisco, idealizadora das “Fadas do Livro”.















Contato para doações:
fadasdolivro@uai.com.br

Nenhum comentário: