30 de abr de 2012

BOA PEDIDA PARA O DIA DAS MÃES!

Criada pela jornalista e escritora MÁRCIA FRANCISCO,
a grife artesanal TITIA FRANCISQUINHA completa 10 anos de vida ecom lançamentos especiais
Comemorando 10 anos de existência, a grife artesanal Titia Francisquinha já apresentou em suas versões mambembes e itinerantes: pães integrais, tiaras, brincos e colares, caixas, baús e estojos em découpage e outros mimos – todos, sempre feitos, um a um, pela jornalista e escritora Márcia Francisco - para alegria geral de clientes e distribuição em papelarias, supermercados, lojas de decoração, arte e artesanato, feiras e espaços que valorizam a arte de criar através das mãos e do coração
Na comemoração de 10 anos de história, "Titia Francisquinha" traz novidades par perfumar a mesa e valorizar o dia-a-dia com alegria e bem-estar.
O sucesso atual está por conta das seguintes peças:
Descansos de panela, bules e/ou saches para gavetas de toalhas/panos de prato, acolchoados e recheados com ervas naturais – apresentados em 2 tamanhos (12cm x12cm e 16cm x16cm). Basta colocar a panela quentinha sobre a peça e se deliciar com o aroma suave de ervas naturais como cravo, canela, exalados, agradavelmente, pelo ambiente.
Travesseirinho de macela - Confecção em tecido 100% algodão, em tamanho 30cm x 22cm, com recheio de flores secas de macela, para proporcionar um sono agradável e relaxante. Este travesseiro é geralmente utilizado entre o travesseiro tradicional e o lençol, ou ao lado de rosto.Para conservar a peça, a artesã sugere a exposição do travesseiro ao sol, pelo menos durante 15 minutos por mês.
Todas peças são confeccionadas com tecido de algodão coloridos, alegres, divertidos ou suaves, possuem forro em feltro para dar uma aparência ainda mais especial ou no caso dos travesseiros, americano cru. Há estampas de: florais, legumes e verduras, animais (galinhas, vaquinhas, borboletas, entre vários), matrioshkas, notas musicais, e muitas outras, apresentadas, também em composições de duas faces, ampliando as possibilidades de combinação da peça com os ambientes a decorar.
Há ainda um mimo que é o descanso de panela em estampa de abóbora que leva um fuxico em formato de abóbora, muito charmoso.
Para o dia das mães já há inúmeras encomendas, que ainda podem ser feitas pelo telefone (31) 91659778.






26 de abr de 2012

Nana Caymmi, Wagner Tiso e Sinfônica de MG
















A Fundação Clóvis Salgado apresenta, nos dias 01º e 02 de maio, mais uma edição da Sinfônica Pop. Nos concertos de estreia da temporada 2012, a série de sucesso traz, em apresentações no Grande Teatro do Palácio das Artes, a Orquestra Sinfônica de Minas Gerais (OSMG), sob a regência do maestro Roberto Tibiriçá, ao lado dos convidados Nana Caymmi e Wagner Tiso.
O projeto, realizado desde o início de 2011, reúne a Orquestra Sinfônica de Minas Gerais com grandes nomes da música popular brasileira. Com um histórico de apresentações elogiadas pela mídia e pelo público, a OSMG executa, na série, ao lado de nomes de peso no cenário da música nacional, clássicos da MPB em arranjos especiais para orquestra
Sinfônica Pop – Orquestra Sinfônica de Minas Gerais convida Nana Caymmi e Wagner Tiso
Data: 01 e 02 de maio
Local: Grande Teatro do Palácio das Artes
Horário: 20h30
Duração: 1h30
Valor: Plateia I, II e Superior: R$ 40,00 (inteira), R$ 20,00 (meia-entrada)
Classificação etária: 12 anos
INGRESSOS À VENDA
Informações: (31) 3236-7400

25 de abr de 2012

Conferência Especial da Associação da Prosperidade da Seicho-No-Ie





















No dia 05 de maio, das 16:30 às 19:00 horas, será realizada na Regional MG/BH Caiçara (Rua Coronel Antônio Junqueira, 130, bairro Santo André) a Conferência Especial Todos Merecem o Sucesso, com Carlos Takahashi, Preletor da Seicho-No-Ie e Chefe do Cerimonial do Gabinete do Prefeito da Cidade de São Paulo, e Claudia Penna Forte, Presidente da Associação dos Preletores da Regional MG/BH Caiçara da Seicho-No-Ie.
Os palestrantes abordarão três temas durante a Conferência: “A semente não plantada não germina”, “A essência espiritual da Prosperidade” e “Todos merecem o Sucesso”.
A Conferência Especial Todos Merecem o Sucesso é uma realização da Associação da Prosperidade, organização que visa divulgar, especialmente no mundo empresarial, os princípios da prosperidade preconizados pela Seicho-No-Ie, a fim de formar empresários de futuro promissor, que possuem visão globalizada. E, simultaneamente, desenvolver um movimento nacional que vise à concretização da prosperidade de todos os cidadãos.
Conforme a organização: “A atitude mental influencia todos os aspectos de nossa vida. Se em algum momento não conquistamos o que desejamos é hora de uma profunda reflexão: “Não estou criando condições para sua manifestação” ou “O que desejo não está alinhado com o Bem maior”. Esta é uma grande oportunidade de conhecer um ensinamento que pode ajuda-lo a lidar com as questões do dia a dia com um novo olhar, uma nova consciência, e a sabedoria de que a mudança está em suas mãos.
Informações adicionais:
http://www.facebook.com/ProsperidadeBH
prosperidadebh@gmail.com
fone 31 34117411

23 de abr de 2012

Padre Fábio de Melo em BH




















(FOTO KADIDJA FERNANDES)
Será no dia 06 de maio, domingo, às 18h, na Arena do Chevrolet Hall (Av. Nossa Senhora do Carmo, 230 - Savassi – BH - MG), o show de lançamento do CD e DVD “No meu interior tem Deus”, do Padre Fábio de Melo.
Padre Fábio de Melo está em turnê nacional com este novo e esperado trabalho. O repertório resgata sua forte ligação com a música sertaneja de raiz, incluindo canções inéditas, composições próprias e grandes sucessos já consagrados. Os ingressos para o show já se encontram à venda e arquibancada tem promoção especial para o primeiro lote. Informações adicionais: (31) 3209-8989
NO MEU INTERIOR TEM DEUS
Recentemente, Padre Fábio de Melo lançou, pela Sony Music, o CD e DVD “No meu interior tem Deus”, trabalho gravado ao vivo no Teatro Abril, em São Paulo. Nas quatorze faixas do CD e nas dezenove do DVD, convivem grandes autores e clássicos, como “Romaria”, de Renato Teixeira, “Vide Vida Marvada”, de Rolando Boldrin e “A Vida do Viajante”, de Hervê Cordovil e Luiz Gonzaga, que contou com a participação especial de Dominguinhos.
REPERTÓRIO DO SHOW:
1 - Estrela perdida / Beirando o rio – Alex Cabral // Zulmar Benitez // Jairo Lambari Fernandes // Miguel Cimirro
2 – Disparada – Théo de Barros // Geraldo Vandré
3 - Vide vida Marvada – Rolando Boldrin
4 - No meu interior tem Deus – Pe. Fábio de Melo
5 - Sou um Zé da Silva - Pe. Fábio de Melo
6 - Eu, a saudade e a viola - Cacá Moraes // Doc Salú
7 - Triste Berrante - Adauto Santos
8 - Filho Adotivo - Arthur Moreira
9 - Fogão de lenha – Rolando Boldrin
10 - Humano amor de Deus – Pe. Fábio de Melo
11 - Tudo é do Pai – Fred Cruz
12 - Tudo posso – Celina Borges
13 - Tocando em frente – Almir Sater // Renato Ferreira
14 – Romaria – Renato Teixeira
15 – Caminheiro - Jack
16 – Poeira – Luiz Bonan // Serafim Colombo Gomes
17 - A Vida do viajante – Luiz Gonzaga // Hervé Cordovil
18 - Calix Bento – Domínio Público
BIS: Medley
Derrama o teu amor aqui – Jorge Mangó
No poder da Fé – Pe. Fábio de Melo
Porque ele vive – Willian. J // Glória Gaither – v. Pe. Fábio de Melo
Glória – Ítalo Villar

PADRE FÁBIO DE MELO
De origem humilde, Fábio de Melo nasceu na cidade mineira de Formiga, fruto da união do pedreiro Dorinato Bias Silva e da dona de casa Ana Maria de Melo Silva. Desde criança sua vocação para a arte foi percebida e incentivada pelo pai violeiro. Aos dezesseis anos, já no seminário, colocou esse dom a serviço da fé, sendo ordenado sacerdote em 2001.
Sua formação é ampla: sacerdote, professor universitário, graduado em Filosofia e Teologia, pós-graduado em Educação e em Teologia Sistemática, escritor, cantor, compositor e apresentador. Com quinze CDs gravados e repertório que valoriza a religiosidade e a cultura musical brasileira, é também autor de livros campeões de venda, como “Quem me roubou de mim”, “Tempo: Saudades e Esquecimentos”, “Quando o sofrimento bater à sua porta”, “Amigo: somos muitos, mesmo sendo dois”, “Carta entre amigos” e o mais recente “Tempo de Esperas”.
Em 2010 gravou, em DVD/Blu-Ray/CD, “Iluminar ao Vivo”, registro do show homônimo, no Credicard Hall, em São Paulo. No ano anterior lançou “Iluminar”, disco marcado por participações especiais, criando duetos com Elba Ramalho, André Leonno, Zezé di Camargo e Luciano.
No início de 2009 lançou “Eu e o Tempo”, DVD e CD gravados ao vivo no Canecão, Rio de Janeiro, projeto que também tornou-se um grande sucesso de vendas. Em 2008, com o lançamento do CD “Vida”, Padre Fábio de Melo já havia se tornado um fenômeno de vendas e de popularidade.
Informações adicionais: (31) 3209-8989
REALIZAÇÃO: TALENTOS PRODUÇÕES




17 de abr de 2012

9ª Festa de Independência do Senegal e reinauguração do Baobar












A 9ª edição da Festa de Independência do Senegal acontece no próximo domingo, dia 22 de abril, na sede recém-inaugurada do Centro Cultural Casa África. O evento marca também a reinauguração do Baobar Gastronomia & Arte Africana.

Na programação que se estende das 13h às 22h, Feira de Gastronomia e Artesanatos Senegaleses, Exposição Fotográfica, além de shows de Zal Isidra Sissokho (músico senegalês), Vander Lee e Fala Tambor.
Zal Sissokho é um músico senegalês que toca a Kora, uma espécie de harpa africana de 21 cordas. Seguindo a tradição cultural de Senegal, Zal aprendeu a tocar a Kora num processo oral que tem sido passado de pai para filho, até que decidiu aprofundar seu conhecimento musical. Além de tocar, Zal também canta nas línguas locais, que são o wolof (língua nativa do grupo étnico homônimo, falada em Senagal, Gâmbia, Guiné-Bissau, Mali, República Dominicana e Mauritânea) e a mandinga (língua africana do grupo mandê, falada em Senegal, Gâmbia e Guiné-Bissau). Radicado em Quebec desde 1999, trabalhou com muitos artistas tais como, Takadja, Les Frères Diouf, Richard Séguin, Lilison, IKS, Hart Rouge, Musa Dieng Kala, Muna Mingolé e Alpha Yaya Diallo. Em Dezembro 2005 e Agosto 2007, trabalhou em Las Vegas para o espetáculo “O” do Circo do Soleil.
Um dos cantores e compositores mais originais da MPB, Vander Lee já realizou ótimas parcerias com artistas renomados, como Elza Soares, Fabio Junior, Gal Costa, Leila Pinheiro, Alcione, Maria Bethânia além dos novos talentos como Zeca Baleiro, Regina Souza, Luiza Possi e Lokua Kanza (França). Suas composições passeiam por sambas espirituosos, baladas românticas inspiradas e rocks moderados, como ‘Românticos’, ‘Galo e Cruzeiro’, ‘Passional’, ‘Onde Deus possa me ouvir’. Atualmente está em turnê de divulgação de Sambarroco, seu sétimo trabalho.
Reconhecido como o primeiro grupo de samba de roda de Minas Gerais, o Fala Tambor foi criado em 2000, pelo percussionista, cantor e compositor Carlinhos de Oxossi. Formado por um corpo cênico-vocal, produz suas leituras, criações e recriações contemporâneas, a partir da influência da cultura de matriz africana. Ritmos variados, como o quebra-cabloco, cabula, monjolo, congo, arrebate, rebate e barra-vento integram o repertório musical do Fala Tambor.
No mês de abril, são celebrados os 52 anos de autonomia política da República do Senegal, país situado na costa ocidental da África.
22 de abril de 2012
Domingo das 13h às 22h
Local: Casa África
Rua 28 de Setembro, 476, Esplanada
Entrada: R$10,00
Informações adicionais: 3653-4244


VIRSKY - BALÉ NACIONAL DA UCRÂNIA, EM BH













Considerado um dos grupos de maior prestigio no mundo, o Balé Nacional da Ucrânia - Virsky chega ao Brasil para uma extensa turnê. Em Belo Horizonte, o espetáculo será encenado no Grande Teatro do Sesc Palladium, em 19 e 20 de abril. Ingressos custam R$100 (inteira) e R$50 (meia) e devem ser adquiridos nas bilheterias do Centro Cultural, pelo site http://www.ingresso.com/ e pelo telefone 4003-2330. Os bilhetes também poderão ser obtidos nos pontos de venda das Lojas Americanas Blockbuster do bairro Gutierrez e do Shopping Cidade, no piso Tupis.

No palco, 50 bailarinos apresentam danças típicas ucranianas, além de Montes Cárpatos, Polka da Volinia e Dança Cigana. Conduzidas pelo renomado músico ucraniano Alexander Cheberko, todas as coreografias destacam o virtuosismo, agilidade, beleza e humor dos bailarinos. Tudo isso faz de Virsky uma experiência inesquecível, pela riqueza teatral e pela beleza incomparável deste conjunto harmônico e suntuoso.
A turnê no Brasil faz parte das comemorações dos 20 anos das relações diplomáticas Brasil-Ucrânia. Além de Belo Horizonte, o grupo se apresenta também em Novo Hamburgo/RS (9 de abril, Teatro Feevale), Porto Alegre/RS ( 10 e 11 de abril, Teatro Bourbon Country), Curitiba/PR (13 e 14 de abril, Teatro Guaíra), Rio de Janeiro/RJ (17 e 18 de abril, Teatro João Caetano), Brasília/DF (26 e 27 de abril, Teatro Nacional), São Paulo/SP (1, 2 e 3 e 4 de maio, Theatro Municipal) e Santos/SP (5 de maio, Teatro Coliseu).

A COMPANHIA
Batizada com o nome de seu fundador, Pavlo Virsky, a companhia vem se destacando pelo seu virtuosismo e pela magia de seu repertório, acumulado em 75 anos de tradição. Virsky dirigiu a companhia de 1937 a 1975, ano de sua morte.
A partir de 1980, Miroslav Vantoukh assume a direção da companhia. Com ele se reconstruíram as danças criadas por Pavel Virsky, consideradas clássicas dentro da linguagem teatral. Para a crítica, aliás, a dupla Pavel Virsky e Miroslav Vantoukh se destaca entre os grandes criadores do século XX, por seu repertório variado e de tanta riqueza teatral. Entre os exemplos desta obra extensa, estão o burlesco Povzounetz, a beleza incomparável da Dança das Rendilheiras e muitas outras.
Balé Nacional da Ucrânia - Virsky
19 de abril
Grande Teatro do Sesc Palladium
20h30
Ingresso: R$100 (inteira) e R$50 (meia)
Informações para a imprensa: (31) 3279-1479
Informações sobre o evento: (31) 3214-5350



THIAGO DE MELLO EM BH - TERÇAS POÉTICAS























(FOTO> JOSÉ FARIAS)
O Terças Poéticas alcança sua 212º edição no dia 17 de abril e apresenta, às 18h30, os poetas Thiago de Mello, autor do clássico “Os Estatutos do Homem”, e Beto Vianna, que lançará, durante o projeto, o livro “Quarenta poemas de outono inverno e um canto para Ariel”.

Terças Poéticas - Lançamento do livro “Quarenta poemas de outono inverno e um canto para Ariel” e homenagem a Pablo Neruda, pelos poetas Thiago de Melo e Beto Vianna
Entrada gratuita
Informações: (31) 3236-7400

11 de abr de 2012

FUNARTE E GRUPO DE DANÇA 1º ATO apresentam "pequenos Ato de Rua"















Com entrada franca, o Grupo de Dança 1º Ato apresenta o espetáculo “Pequenos Atos de Rua”, no dia 14 de abril, sábado, 11h, no EACC 1º Ato – Espaço de Criação Compartilhada (Rua Búfalo, 261 – Jardim Canadá – Nova Lima – MG) e, às 17h, na Praça Quatro Elementos (Jardim Canadá – Nova Lima – MG).“Pequenos Atos de Rua” tem concepção, encenação e direção coreográfica de Suely Machado e estudos coreográficos e elenco de Alex Dias, Ana Virginia Guimarães, Danny Maia, Lucas Resende, Marcela Rosa, Pablo Ramon, Verbena Cartaxo e Verônica Santos. Informações adicionais: (31) 32964848.
PEQUENOS ATOS DE RUA:
A magia presente no cotidiano,
Uma lupa do sensível na aparente normalidade.
Homens e mulheres com suas histórias,
Estranhas, engraçadas, curiosas.
Cenas pulverizadas...
Eternas e ultrapassadas.
Dimensões do invisível,
Da Imaginação,
Surpresas poéticas.
Sopros de vida.

Em espaços públicos da cidade, inspirados em contos e no realismo
fantástico a cena cotidiana é matéria prima para quadros que se movem
e transformam o cenário urbano em ambientes de sonho e
possibilidades.

O trabalho dos oito bailarinos envolvidos na criação e no
desenvolvimento do trabalho busca aproximar o público na identificação
e na transcendência dos movimentos.

FICHA TÉCNICA:
Concepção, encenação e Direção coreográfica: Suely Machado
Estudos coreográficos e elenco: Alex Dias, Ana Virginia Guimarães, Danny Maia,
Lucas Resende, Marcela Rosa, Pablo Ramon, Verbena Cartaxo e Verônica
Santos.
Figurinos: criação dos bailarinos.
Produção: Regina Moura
Assistente de Produção: Lica Capovilla
Trilha sonora: pesquisa do Grupo de Dança 1º Ato
Duração: 25 minutos.
Indicação: livre.
Este projeto foi contemplado com o Prêmio FUNARTE Artes Cênicas na Rua 2010
REALIZAÇÃO: FUNARTE

COMIDA DI BUTECO 2012

De 13 de abril a 13 de maio, 41 botecos vão concorrer pelo título de melhor tira-gosto de Belo Horizonte. A decisão está em suas mãos.





















Em 2012, o Comida di Buteco será realizado, simultaneamente, a partir do dia 13 de abril, em 15 cidades: Belém, Belo Horizonte, Campinas, Fortaleza, Goiânia, Ipatinga, Juiz de Fora , Manaus, Montes Claros, Poços de Caldas, Ribeirão Preto, Rio de Janeiro, Salvador, São José do Rio Preto e Uberlândia.
A décima sexta cidade é São Paulo. A primeira edição na capital paulista acontece em data especial: de 1º de junho a 1º de julho.
Cerca de 400 botecos vão participar em todo o Brasil.  Em Goiânia, os ingredientes são o barú, a gueroba e o milho. Nas demais cidades, o tema será livre.
O QUEIJO MINAS É O INGREDIENTE OBRIGATÓRIO EM TODOS OS BUTECOS DE MINAS GERAIS!

CURIOSIDADES SOBRE O QUEIJO DE MINAS














O queijo minas é o ingrediente obrigatório em todas as cidades participantes do Comida di Buteco em Minas Gerais. Mas você sabe como é produzido e qual é a capacidade produtiva do queijo minas em Minas Gerais?
Um bom queijo minas artesanal é feito do leite ordenhado logo pela manhã. Após adicionar o pingo e o coalho, espera-se em torno de 45 minutos para poder cortá-lo, coar e separar o soro da massa. O queijo então é espremido, enformado e salgado, na maioria das vezes com sal grosso, para que no final da tarde o soro possa ser aproveitado em outras receitas como, por exemplo, para fazer ricota. Ao retirar o sal grosso, vira-se o queijo e se usa o mesmo sal no outro lado, deixando escorrer a noite inteira. No dia seguinte, retira-se novamente o sal, faz-se a limpeza do queijo e o coloca para maturar. A maturação depende da época do ano, mas acontece geralmente em um período de 10 a 30 dias, no mínimo.
O líquido mais grosso que escorre do queijo, de uma coloração dourado-esverdeado, é o que chama-se de “pingo“: nada mais do que um tipo de fermento do queijo. Ele é usado no dia seguinte pra produção de novos queijos, iniciando novamente todo o processo descrito acima.
O queijo do Serro foi reconhecido em 2002, pelo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico (IEPHA), como “Patrimônio Imaterial” e desde 2008 ganhou reconhecido nacional, pelo Instituto Patrimônio Histórico Nacional (IPHAN) que o classificou como “Patrimônio Cultural Imaterial Brasileiro”.
O Brasil é o 6º maior produtor mundial de queijo e a indústria queijeira mineira coloca 215 mil toneladas de produtos por ano no mercado (mas não apenas o Queijo Minas). Metade de todo o queijo que o brasileiro consome – 3,4 kg per capita/ano – vem de Minas Gerais. Esse consumo per capita, ainda é pequeno se comparado aos USA (15 kg), à União Européia (13,1 kg) e Argentina (11,8 kg).
CONFIRA TUDO SOBRE O COMIDA DE BUTECO:
http://www.comidadibuteco.com.br
***já estão sendo vendidos os ingressos pra a saideira 2012!