20 de set de 2010

BH SHOPPING - 31 ANOS - 5 EXPANSÕES E MUITO SUCESSO

O BH Shopping, maior centro de compras de Minas e um dos maiores do Brasil, completa o seu 31º aniversário e na quinta-feira, dia 30, inaugura a sua quinta expansão. Serão mais 80 lojas e, entre elas, a internacional Tommy Hilfiger; a Villa Vitini, a Equipage, de Cláudia Mourão e a Manoel Bernardes. A festa de quinta-feira conta com show com Toni Garrido e Paula Lima e Luana Piovani e Rodrigo Hilbert, Djs convidados. Palmas para o presidente da Multiplan, José Isaac Peres e para o superintendente do BH Shopping, Durleno Rezende (este 24 anos, bem vividos, de casa), braços fortes desta empreitada de sucesso que se tornou o espaço.
























Após 21 anos de atividade ininterrupta
COZINHA DE MINAS
fecha suas portas


Após 21 anos ininterruptos, o Cozinha de Minas, de Ramon Fiuza, encerra suas atividades, nesta semana. O motivo: especulação imobiliária. A casa, que teve suas duas sedes à Rua Gonçalves Dias, consagrou-se desde o início pelo aconchego oferecido pelo anfitrião, Ramon Fiuza. Além da tradicional culinária mineira oferecida pelo restaurante, abrigou centenas de lançamentos de discos, livros, exposição de artes plásticas e de fotografia, encontros e performances culturais de todas as vertentes, eventos empresariais, políticos e tantas outras propostas. Anualmente, realizava sua tradicional Festa Junina, fechando o quarteirão da Gonçalves Dias com Maranhão, para oferecer o melhor da tradição desta festa.
Ramon afirma que o fechamento do Cozinha de Minas será temporário. Em 2011, é possível que o espaço gastronômico e cultural retome lugar em uma casa na capital.
Ramon Fiuza agradece à toda imprensa mineira pelo apoio que sempre deu às divulgações da casa, valorizando o espaço, com respeito e propriedade.

Caros amigos, com a nota acima fecho a solicitação de mais um trabalho de assessoria de imprensa, feita a mim pelo Cozinha de Minas. Mas, tomo a liberdade de, diante do assunto em questão, avançar, um pouco mais. Há 10 anos, prestando serviços de assessoria à Casa, fui testemunha de uma história que faz parte da cultura mineira. O Cozinha de Minas, diariamente, foi palco de inúmeras confidências da arte, política e economia daqui. Nos encontros formais e informais ocorridos na casa, sempre regados ao sabor de uma boa culinária, valorizo aqui, o sentido disso tudo e reverencio com gratidão. Trata-se da personalidade acolhedora, amorosa, dinâmica, sempre “sim” de Ramon Fiuza. Em sua história de vida, está impressa a origem do que se tornou o Cozinha de Minas no decorrer dos tempos. “Se Guimarães Rosa disse que “o correr da vida embrulha tudo”, digo aqui, que nesse tudo está um pouco da história que Ramon construiu, de um jeitinho particular.

Ramon (Lopes Cançado) Fiuza, nasceu em BH, mas, passou a infância, a partir dos 2 anos de idade, em Inimutaba, sertão mineiro, próximo às cidades de Curvelo e Diamantina. No ambiente interiorano, vivenciou as tradições do dia-a-dia das fazendas: criação de cabras, porcos, ovelhas, galinhas, patos, cavalos, vacas; além da produção de linguiças, queijos, doces de leite e de goiaba e todas as delícias caseiras possíveis. Na infância, inventava seus próprios brinquedos. Aos 13 anos, retornou a Belo Horizonte, para completar os estudos. Aos 17 anos, Ramon lançou o livro de poesias “Ainda resta uma gota de orvalho sobre a folha”. Assim, iniciou seus contatos com o meio artístico. Com 18 anos, ingressou na faculdade de direito, abandonada 2 anos e meio depois. Em seguida, iniciou trabalhos de produção artística, na produtora Quilombo. Como produtor, atuou também na Rádio Inconfidência, produzindo o programa dos músicos Gonzaguinha e Wagner Tiso. Ramon Fiúza participou da montagem da Escola Música de Minas, de Milton Nascimento e Wagner Tiso. Também participou da montagem da Casa de Shows Cabaré Mineiro, tornando-se seu divulgador e logo após, sócio, passando a cuidar também da programação da saudosa casa. Em 1989, inaugurou o Restaurante Cozinha de Minas e o Máscaras Casa de Dança. Em 1998, teve sua primeira experiência profissional internacional, agendando o saxofonista Blas Rivera no Montreaux Jazz Festival (Suiça), tornando-se tourmanager e responsável pela gravação do cd ‘Blas Rivera – ao vivo em Montreaux’ e por aí vai...
Ramon, o pai de Maria, Clara, Flávia e Cristiano, vai muito alem do administrador e chef de sua Cozinha de Minas. É certo que criou pratos inigualáveis, como sua “Costelinha com Mexerica e faz um bolo de fubá (receita da dona Stella Libânio) de encantar, mas o sabor que deu à sua vida (e às nossas) foi o de administrador de almas, tantas que sentaram por ali, com suas histórias de alegria, afetos ou desafetos, idéias sempre estimuladas por esse mestre na arte de se relacionar. Quem conhece, sabe! Estão lá, na parede alguns pratos apartidariamente autografados pelos passantes (há caixas e caixas deles) – uns famosos, outros nem tanto, como eu, que gentilmente ganharam seu pratinho para deixar seu “estive aqui”.
Esse é daqueles textos estilo “faço saber”. Portanto, ao lado (para não dizer, abaixo...) de especulações imobiliárias, afirmo a certeza de que o Cozinha de Minas vai voltar se depender do Ramon, que não é moço de desistir e que, apesar de uma vida a correr atrás do sonho, se embrulhou tudo de uma vez pela rapidez da vida, se deu a chance de desembrulhar um a um, e tornar públicos, projetos de vários que ali, fizeram parte daquela história. Eu mesma, pós cantorias, ou quando lancei meu livro, ou ainda, em aniversários vários, comemorados lá, sentada na companhia de amigos que estão, ou já partiram, como o meu querido Nandinho Fiuza, (primo do Ramon!) que era outra testemunha ativa daquela história de pura arte que é o Cozinha. Nós sabemos... “tem tempo pra tudo”, mas, espero que você seja rápido, tempo! Senão, onde é que o professor Helinho vai sentar-se após dia inteiro das suas aulas de português? Digamos que ao completar 21 anos, atingimos maioridade e com ela uma certa liberdade no direito de ir e vir... né, Cozinha? Então, volte logo! Boa sorte, Ramon!
Márcia Francisco, 20 de setembro de 2010

14 de set de 2010

Lula Ribeiro convida


O cantor e compositor sergipano, Lula Ribeiro realiza no Capim Limão (Av. Montreal, 135 - Jardim Canadá – Nova Lima - MG) a série “Lula Ribeiro convida”. Os shows que acontecem nas últimas quintas feiras dos meses de setembro (dia 30), outubro (dia 28) e novembro (dia 25), sempre às 21h, trazem Lula Ribeiro (voz e violão) numa proposta de ponte musical Sergipe/Rio/Minas, celebrando afinidades entre ele e os artistas convidados. O primeiro convidado é Flávio Venturini, que abre a série, no dia 30 de setembro. A seqüência vai revelar outras surpresas igualmente especiais. Os ingressos já se encontram à venda no local. Reservas e infomações adicionais: (31) 3581 8827

10 de set de 2010

PELA PRIMEIRA VEZ: PAULINHO PEDRA AZUL FAZ TEMPORADA DE SHOWS EM UM BAR DE BH

Em outubro, o cantor e compositor Paulinho Pedra Azul realiza temporada de shows na Status Café e Arte (Rua Pernambuco, 1150 – Savassi – BH - MG). O artista que, pela primeira vez, faz temporada em um bar belo-horizontino, se apresentará sempre às quartas-feiras, às 21h (dias 06, 13, 20 e 27 de outubro). O evento que traz Paulinho Pedra Azul (voz e violão) terá participação dos músicos Marcelo Jiran (piano) e Serginho Silva (percussão). Os ingressos já estão à venda no local. Preço promocional para aquisição antecipada. LUGARES LIMITADOS. Reservas e informações adicionais: (31) 3261 6045
VISITE:
www.myspace.com/paulinhopedraazul


“Diálogos Musicais”
O projeto Diálogos Musicais, no próximo domingo, 19, às 11h, apresenta o violonista Fernando Araújo, que interpreta composições de Villa Lobos, Astor Piazzolla, Aníbal Augusto, dentre outros, e recebe a participação especial da soprano Mônica Pedrosa. A entrada é gratuita e a promoção é da Prefeitura de Belo Horizonte por meio da Fundação Municipal de Cultura e do Museu de Arte da Pampulha.

Cantor italiano Luciano Bruno em BH


Dando continuidade à comemoração de seus 8 anos de existência, o Cultural Dancing Bar Zep Tep (Rua da Bahia, 2717 – Savassi – BH - MG – entre Rua Fernandes Tourinho e Av. Contorno – 031 2526 9900) apresenta o cantor italiano LUCIANO BRUNO. Em noite única, o show “ Una serata italiana”, que traz uma sonora viagem pela itália na viva voz de Luciano - considerado um dos maiores intérpretes da música italiana - acontece na segunda-feira, 13 de setembro, às 22h. Os ingressos já estão à venda. Informações adicionais (31) 25269900.

7 de set de 2010

BankVision U.S. empossa diretoria no Brasil
Acontecerá no dia 09 de setembro, quinta-feira, às 19h30, no Liberty Palace Hotel (Rua Paraíba, 1465 – Savassi – BH – MG) o coquetel, reunião oficial de posse e apresentação dos representantes no Brasil do BankVision U.S.
Serão nomeados para o cargo do Banco, o economista Cornélio Diniz e o Engenheiro Elias Raid.
A solenidade contará com a presença do Embaixador Comercial do Estado da Flórida para todos os países da América Latina e países do Caribe, Presidente e CEO do BankVision U.S., Mr. Jay Almeida.
O evento, fechado para convidados da área econômica, política e empresarial deverá contar com a presença de membros do Governo do Estado de Minas, do Chanceller Rafael Catumbila, de Angola, do Diretor do Banco Safra, João Batista, do diretor do Banco Bradesco, José Monteiro, do Diretor do Banco Mundial, Mario Lúcio Ourívio, do Presidente da FIEMG, Olavo Machado Júnior, do Senador Eduardo Azeredo, do ex-secretário de Estado do Governo de Minas Gerais, Danilo de Castro e do ex-presidente da República, Itamar Franco, entre outras.
O BankVision U.S., terá sua primeira sede brasileira inaugurada nos próximos meses, em Belo Horizonte/MG.

1 de set de 2010




II Brumadinho Gourmet
3 a 7 de setembro

saiba mais: www.brumadinho.mg.gov.br















































MOVASSE no Cacilda Becker


O Movasse – Coletivo de Criação em Dança, empresa coligada ao Centro do Movimento em Belo Horizonte, apresenta “ Imagens Deslocadas”. O espetáculo é uma realização da FUNARTE e acontecerá nos dias 11, 12, 18, 19, 25 e 26 de setembro e dias 1, 2 e 3 de outubro. Aos sábados, as apresentações acontecem às 20h e aos domingos às 19h. Antecedendo aos espetáculos haverá a exibição de um vídeo-documentário. Resultado da pesquisa de Graziella Andrade, baseada no espetáculo, para defesa de sua tese de mestrado “Sobre Corpo, Mídia e Informação”. A programação do Projeto Cenas em Movimento, traz também as oficinas: ”Jogos de Improvisação” , com Mônica Tavares. Trabalho lúdico corporal através dos jogos de improvisação e “Dançando e Observando” que é ministrada pelos integrantes do coletivo. A oficina investiga uma nova forma de linguagem através da mescla dança e vídeo. Com caráter multidisciplinar promove exercícios de dança e de observação.
Nos dias 10, 17 e 24 de setembro, às 20h, o Movasse convida Peter Lavratti, com o espetáculo “Chá com Cat Stevens”. Após o espetáculo haverá uma conversa com o artista.
O evento acontece no Teatro Cacilda Becker - Rua do Catete, 338 - Rio de Janeiro / RJ. Informações: (21) 2265-9933
MOVASSE - Coletivo de criação que desenvolve trabalho de pesquisa, no cenário da dança contemporânea, visando preservar e estimular o trânsito livre de pessoas, informações e ideias. Seus integrantes tem a diversidade como foco e não se prendem a linguagens específicas. Com estas características, querem proporcionar lugar de reflexão e realização de propostas sobre o movimento.
Sediado em Belo Horizonte, mas com atenção voltada para a cultura brasileira, tem como idealizadores Andréa Anhaia, Carlos Arão, Fábio Dornas e Ester França. Bailarinos com diferentes formações e influências e que tornam o Coletivo um espaço aberto para diferentes formas de pensar a dança, além de ser um lugar de discussão, debate, pesquisas teórica e corporal. (FOTO GIL GROSSI)
SAIBA MAIS: www.movasse.com