29 de ago de 2007

INSTRUMENTAL DE LUZ
Desde já, setembro se revela um mês especial para o instrumental de qualidade: Lançamento de Chiquinho Amaral, que movimentou o Museu em noite de autógrafos e segue com show no dia 30, em Sabará, como informamos anteriormente. E, momento especial para a música de Juarez Moreira (vide convite). No fim do mês o Festival Internacional de Violão envolve a capital mineira com as melhores sonoridades mundiais, do instrumento. A programação já está no site:
clique aqui para conferir
Dos palcos iluminados para as favelas

Artistas eruditos de Belo Horizonte, que já se apresentaram em importantes teatros do Brasil e do exterior, uniram seus talentos para realizar um grande sonho em comum: levar música de qualidade a um público que sempre esteve à margem. E criaram, há três anos, o Grupo Libero, que promove uma série de espetáculos com achancela da Lei Municipal de Incentivo à Cultura de Belo Horizonte. No dia 2 de setembro, domingo, o grupo se apresenta no Museu Histórico Abílio Barreto, às 11h30, com entrada franca. Já na quarta-feira, 5 de setembro, a comunidade da Favela Ventosa, uma das mais violentas e desassistidas da cidade, terá a oportunidade de ouvir, ao vivo, peças de Villa-Lobos, Puccini e Verdi mescladas a canções de Cole Porter e Gershwin e a tangos de Gardel e Piazzolla. Piano, violoncelo, violino e duas vozes (soprano e tenor) formam o Grupo Libero cuja proposta é “fazer do clássico o popular e do popular o clássico”. O quinteto é formado pelo soprano Eliseth Gomes (protagonista de grandes óperas motadas pela Fundação Clóvis Salgado, como “Aida” e “Turandot”, o tenor Alexandre Carvalho, a violoncelista PhD e professora da UEMG, Adriana Costa, o violoncelista Cláudio Urgel, professor da UFMG e membro da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais, e a pianista Maria Ligia Becker, ex-professora da UFMG, responsável pela formação de várias gerações de músicos promissores. A apresentação da quarta-feira para a comunidade da Ventosas acontece às 20h na Escola Municipal Professor Milton Salles (Rua Teófilo Filho, 222 - Jardim América - BH - MG). (FOTO JADER REZENDE)

28 de ago de 2007

“QUANDO ENTRAR SETEMBRO...”
No dia 1º de setembro, sábado, a partir das 22h, a produtora Lívia Bastos promove na Máscaras Casa de Dança (Rua Santa Rita Durão, 667 – Savassi – BH – MG), a festa “Quando entrar setembro...” O evento propõe os melhores hits dos anos 80, animados pelo DJ Saldanha. Uma decoração especial, vídeos e buffet, completam a alegria da noite. A Máscaras Casa de Dança, inaugurada em 1989, está comemorando 18 anos de vida e animação e a festa do dia 1º integra a programação oficial de aniversário. Entrada: R$20,00 (vinte reais) – o valor inclui o buffet (exceto bebidas)Reservas e informações adicionais: (31) 3261 6050/ 3261 5083.

24 de ago de 2007

Até o dia 02 de setembro, acontece em BH a 4ª edição do Festival Mundial de Circo do Brasil. Serão 19 atrações e neste ano a novidade é a descentralização do palco: o evento será realizado em 5 espaços culturais (Teatro Sesiminas, Funarte, Teatro Dom Silvério, Spasso e Palácio das Artes). Confirma toda a programação
www.fmcircodobrasil.com.br
BABAYA ESCOLA DE CANTO LANÇA NOVOS CURSOS
“novas opções para quem quer cantar e ser feliz”
Com mais de 15 anos de existência, pioneira no ensino e aperfeiçoamento da técnica vocal e canto popular, a Babaya Escola de Canto (Rua São Domingos do Prata, 505 – Santo Antônio – BH – MG), criada e coordenada pela cantora e preparadora vocal Babaya, cultiva em sua metodologia de ensino do canto uma proposta de constante atualização através de grupos de estudo compostos pelos professores, pela coordenação de ensino, por profissionais da voz (fonoaudiólogos), médicos (otorrinolaringologistas), para oferecer aos alunos ferramentas úteis na desenvoltura do canto e voz em suas várias aplicações.
Nesta linha, a Escola lança novos cursos, que terão início em setembro. Ministrados pela terapeuta holística Adriana Lopes, terão início os programas Cantoterapia, Hatha Yoga e Terapia Corporal. Sob a coordenação da cantora, percussionista e produtora Daniella Borges, acontece o Curso de Pandeiro para cantores. As inscrições para os novos cursos já estão abertas na Escola. Informações adicionais: (031) 33447396.

22 de ago de 2007

Caros amigos,
o Blog Arco-iris Gerais será o destaque do programa Blog Tracks, da Web Radio Delas.
Agradeço a vocês, pela presença e leitura assídua, bem como recomendação e comentários.
Gostaria de convidá-los a ouvir.
O programa trará uma seleção musical escolhida por mim.

Blog Tracks vai ao ar na quinta-feira, dia 23 de agosto, às 11h da manha.
Tem reprise as 13h , 16h, 18h, 21h e 05h da manha.
Apresentação: Regina Coeli
para ouvir é só acessar o site

Um abraço, Márcia Francisco

17 de ago de 2007

MAURÍLIO ROCHA

O cantor, compositor e arranjador Maurílio Rocha será a atração do projeto Domingo no Museu (Museu Abílio Barreto – Av. Prudente de Morais, 202 – Cidade Jardim – BH – MG), no dia 19 de agosto, 11h30. O músico apresenta o show de seu mais recente CD “Canções para o mambembe e Sonhos de uma noite de verão”. A novidade da apresentação no MHAB é o novo formato do grupo que o acompanha, que agora conta com Felipe Fantoni (baixo), Valéria Braga (vocais) e Arthur Rezende (bateria). Valéria é uma das mais experientes cantoras de Minas Gerais. Integra o grupo Vocal Nós e Voz desde sua fundação, é professora de canto e regente, tendo sido recentemente selecionada para participar da remontagem da peça “Mulheres de Holanda” sob direção de Pedro Paulo Cava. Felipe Fantoni sobrinho de Toninho Horta, e Arthur Rezende estão entre as jovens revelações de instrumentistas belo-horizontinos e vem acompanhando importantes nomes da música além de desenvolver seus próprios projetos musicais. O show de domingo tem entrada franca.(FOTO RUBNER ABREU)
E BATE O TAMBOR!!!

























Dentro da programação do Festejo, também acontece no 18 de agosto, sábado, de 14h às 16h, a OFICINA DE PANDEIRO COM GILSON SILVEIRA. Natural de Ipoema-MG, há quase 20 anos reside em Turim, Itália. Autodidata, acompanha artistas brasileiros e estrangeiros em diversos países da Europa. Sua percussão tem uma variedade de sons, mas foi um instrumento bem brasileiro, o pandeiro, que acabou virando sua marca registrada. O workshop vai gerar uma apresentação que será incluída no FESTEJO usando da improvisação, do corpo, da voz e do pandeiro. As inscrições poderão ser feitas na Associação Cultural Tambor Mineiro (Rua Ituiutaba, 339 – Prado - BH - MG - 3295-4149.
STEREOTECA

A cantora e pianista Selmma Carvalho apresenta seu show “O que será que está na moda?”, no Projeto Stereoteca. O evento acontecerá no dia 29 de agosto, quarta-feira, às 20h30, no Teatro da Biblioteca Pública (Praça da Liberdade, 21 - térreo – Funcionários – BH – MG). No repertório, músicas dos três discos da cantora, que está em turnê nacional. Selmma receberá como convidado especial o músico AFONSINHO e
será acompanhada por Rogério Delayon (violões), Felipe Fantoni (baixo) e Pedro Moreira (bateria), em canções contemporâneas ou eternas que ganham roupagens atualizadas. Sobre o projeto, saiba mais (FOTO MÁRCIA FRANCISCO)
Já em cartaz, nos cinemas, o filme "3 irmãos de sangue".
A home-page oficial já está no ar:
www.3irmaosdesangue.com.br
Meu comentário sobre a película está neste blog:
CLIQUE AQUI PARA CONFERIR
CUIDE-SE BEM:

Participe. Segundo informações da Abaky, o Dr Dharma Sing Khalsa escolheu Belo Horizonte para revelar significativas novidades e informações relacionadas aos estudos do tema.
(clique no cartaz para ampliá-lo)

9 de ago de 2007


MUSICA ANTIGA
Com entrada franca, a Cameratta Lusittana se apresenta em Belo Horizonte, no dia 11 de agosto, às 20h, no Teatro da Assembléia (Rua Rodrigues Caldas, 30, Santo Agostinho- BH – MG). O evento integra a turnê da série de Concertos de Música Antiga do Brasil, na Estrada Real. O repertório dos concertos é baseado na Música Brasileira dos séculos XVI a XVIII, executada agora, no cenário onde ela foi composta e ouvida no passado. Sob a direção musical de Luciana Gomes, a Cameratta Lusittana é formada por Cátia Néris e Flávia Virgínia (sopranos), Heitor Araújo e Luciana Gomes (contraltos), Charles Werner e Edmar Lima (tenores), Danilo Collado, George Lucas (baixos), Adriana Soares, Cecília Motta, Leopoldo Balestrini, Susana Mattos (flautas) e, Cláudio Lage e Ricardo Marçal (violões) e, tem como regente assistente, Cláudio Lage. Com o patrocinio da Genzyme e realizado com os benefícios da Lei Federal de Incentivo á Cultura, a Série traz a Cameratta Lusittana em concertos gratuitos, se apresentando em espaços históricos das cidades situadas em torno da Estrada. (FOTO SIRLENE MAGALHÃES)
CLOVIS AGUIAR

Presença atuante no cenário musical mineiro, frequente alvo de aplausos, em palcos inúmeros, o pianista Clóvis Aguiar realiza seu show “Piano Solo”, na Fundação de Educação Artística (Rua Gonçalves Dias, 320 – Funcionários – BH – MG). No programa um repertório pianístico interativo, em um show sem microfones, onde a proposta é ouvir e apreciar músicas de autoria de Clóvis Aguiar, cujo talento genuíno, somado a respeitados anos de história no Brasil e em terras estrangeiras é notável. Os ingressos estarão à venda 1 hora antes do início do espetáculo, R$20,00 – vinte reais.(FOTO FERNANDO FIUZA)
PINCELADAS DO AGORA
A escritora Greyce Soute lança o livro de poemas e crônicas "Pinceladas do agora". A noite de autógrafos será no dia 10 de agosto, às 20h, na Usina de Letras do Palácio das Artes (Av. Afonso Pena, 1537 - Centro - BH - MG). Chefe do Laces JK (Liceu de Arte, Cultura, Esporte e Saúde Juscelino Kubitschek, a escritora, também autora do livro "Jeito de gente", ganhou o Prêmio 100 anos de BH. Informações adicionais sobre o lançamento: (31) 3221 1317

1 de ago de 2007

LUI COIMBRA

O cantor, compositor e instrumentista, Lui Coimbra chega a BH e realiza dois shows dentro do projeto "Dois Tempos", na quinta, 02 de agosto, às 19h e 21h, no Museu Abílio Barreto (Av. Prudente de Morais, 202 - Cidade Jardim - BH - MG). O artista que integrou os grupos Aquarela Carioca, Religare e Orquestra Popular de Câmara, traz na bagagem acompanhamento e registros em discos de grandes nomes da MPB como Caetano Veloso, Wagner Tiso, Zeca Baleiro, Zizi Possi, Alceu Valença e Ney Matogrosso, dentre vários. Em 2004, Lui Coimbra lançou seu primeiro CD solo, “Ouro e Sol”, pela Rob Digital. Em tempo: o disco, que tive a oportunidade de ouvir já na época do lançamento, faz completo juz ao nome ("ouro e sol" título, em português, da música de Sting, que tem versão de Lui e Zeca Baleiro, presente no disco): como se fosse extraído do ouro e banhado pelo sol, é pura luz e energia. A música de Lui é o alto astral de sua presença, olhar, sorriso, timbre aberto e leve. A produção traz concepção, direção musical e arranjos do próprio Lui, conhecido por sua atuação como violoncelista, mas, multi-instrumentista valoroso. Instrumentos percussivos mesclam-se à cordas de violão ou rabecas e sonoridades de violoncello ou sopros, em unidade que nos emociona. Do repertório do CD, a composição "Mãe" (Lui Coimbra) é minha predileta, soa como uma oração em que no canto, ao evocar as origens, prediz um futuro de luz e bênçãos. Estrela do Oriente celebra o lume espiritual do alaranjado mundo da fé, que parece nortear a música de Coimbra: acreditando que um "lótus azul possa brotar", como expressa a própria letra. Espero que essas belas canções integrem o programa do artista, que nos shows do Museu vai cantar, tocar violocello, rabeca, charango e violões. O show tem a participação da pianista e cantora Delia Fischer. A entrada é franca e os ingressos serão distribuídos a partir das 18h, na bilheteria do auditório. (FOTO NANA DE MORAES - ENCARTE OURO E SOL)
DIA DOS PAIS... COM CHORINHO NA COZINHA!!!
No domingo, 12 de agosto, dia dos pais, a partir das 11h30, o Restaurante Cozinha de Minas (Rua Gonçalves Dias, 45 – Funcionários – BH – MG) promove o “Banquete dos Pais Almoço de família". No cardápio: leitoa assada, picanha, moqueca de peixe ao molho de camarão, bacalhoada, arroz de forno, frango ao molho pardo, dentre outras delícias. Haverá sorteio de pizzas, jantares e cachaças e o público poderá curtir a apresentação do Grupo de Chorinho Cozinha de Minas. As reservas já podem ser feitas pelo telefone: (31) 3227 1579

Zebeto Corrêa lança o CD “Trilhas da Literatura Brasileira – Ouvir para ler”
com canções de Zebeto Correa e Caio Junqueira Maciel, o álbum é um convite à sensibilidade para mergulhar no universo cultural brasileiro, unindo música e literatura em refinada lapidação poética, rítmica e estilística

O cantor, compositor e instrumentista Zebeto Corrêa lança nos dias 16 de agosto, quinta-feira, 21h e 17 de agosto, sexta-feira, 19h e 21h, no Teatro da Biblioteca Pública (Praça da Liberdade, 21 térreo – Funcionários – BH – MG – 31 3269 1166), o CD “Trilhas da Literatura Brasileira – Ouvir para ler”. O disco nasceu de uma intensa afinidade de objetivos entre a música de Zebeto Corrêa e os poemas de Caio Junqueira Maciel e traz todas as canções dos dois artistas. Fruto de muita pesquisa e inspiração, o álbum apresenta uma recriação estilística da literatura brasileira. A literatura de cordel, a mulher como personagem e autora e, sobretudo o leitor, tem papel relevante nas composições que ganham tempero sensual. O disco tem encarte livreto ilustrado, que contém além das letras/ poemas, textos que informam as referências literárias que as inspiraram, bem como informações históricas sobre as obras. “Trilhas(...)” conta com as participações especiais de Bilora, Celso Viáfora, Eudes Fraga, MPB4, Nilson Chaves, Sérgio K. Augusto e Tavinho Limma. Com entrada franca, mediante retirada de convites a partir das 17h, nos dias de espetáculo, o show leva ao palco: Zebeto Corrêa (voz e violão), Waldir Cunha (baixo/violões/ direção musical), Marcelo Braga (bateria) e Sérgio Danilo (sax/ percussão).

Além do novo disco que já está despertando o interesse público e de escolas, bibliotecas e da área educacional em todo o país, já está no ar, o novo site de Zebeto Corrêa Com proposta interativa, a home page disponibiliza para baixar, 10 músicas da trajetória artística do artista, além de cifras, acesso à discografia e história de Zebeto. Veja! (FOTO PAULO LACERDA)
GÊ LARA
Na quarta, dia 01 de agosto, às 20h, o cantor e compositor Gê Lara apresenta o show de lançamento do seu oitavo disco: "Alma de Músico", que mostra 13 canções inéditas do artista e uma parceria de Gê com o primo Túlio Mourão. O show que acontecerá no Teatro Alterosa (Av. Assis Chateubriand, 499 - Floresta - BH - MG) vai
contar com a participação especial de Túlio Mourão. Gê Lara será acompanhado por: Renato Saldanha (violão/guitarra), Edvaldo Ilzo (bateria), Vagner Faria (baixo), Luiza Lara e Sérgio de Castro (vocais). O CD foi viabilizado através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura com o patrocínio das empresas SOMASA, PLASDIL E FITEDI e traz a produção e arranjos do músico Renato Saldanha. Após a apresentação na capital mineira, Gê Lara segue em turnê por sua terra natal (Divinópolis), São João Del Rei, Tiradentes, Ouro Preto, Diamantina, Juiz de Fora Rio de Janeiro e São Paulo.
Ingressos para o show: R$10,00 (inteira)
BOA ARTE PARA CASA E CAMPO
Os trabalhos das artistas plásticas Regina Albergaria (pintura) Sônia Toledo (escultura) e Elisa Pena (escultura e pintura) serão atração especial para quem visitar o 8º Salão da Casa e do Campo em Belo Horizonte, de 1º a 5 de agosto, no Minas Tênis Clube Náutico, no Alphaville Lagoa dos Ingleses. As três
formam o atelier "Arte Belvedere".
Visite o site do evento